Paulão? Quem é o Paulão?

Minha foto
Vespasiano, Sudeste/Minas Gerais, Brazil
Professor, Geógrafo, pai, um cara muito família, adora conversar com os amigos e um apaixonado pela sua profissão.

terça-feira, 18 de maio de 2010

SOU PROFESSOR COM MUITO ORGULHO E COM MUITO AMOR.

Estive muito angustiado neste fim de semana. Ao me deixar levar pela fala da mídia e do governo, cheguei a acreditar que nosso movimento de greve que já é histórico estava próximo do fim. Ao participar da reunião do comando de greve no dia 17/05/2010, com meus nobres companheiros, fui para minha casa com uma certa angústia, acreditando que nossa greve já não era mais sustentável. Infelizmente não participei da Assembléia, pois estava trabalhando no mesmo horário, mas como alguns políticos dizem "meu coração estava lá".

Fiquei muito orgulhoso e até emocionado por saber que o grito de aproximadamente 20 mil MESTRES E OUTROS NOBRES EDUCADORES ecoaram na praça da Assembleia e pelo centro de nossa capital, mais uma vez e em mais um belo ato de bravura.

NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOO! sem conquistas reais, sem retorno as escolas!

Vamos mostrar ao governo e a esta mídia podre, que juntos somos a categoria de maior representatividade política de nossa galáxia.

VIVA A VERDADEIRA REVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO MINEIRA.

terça-feira, 4 de maio de 2010

E a greve têm que continuar...

A justiça mineira determinou o fim da greve...

QUE (IN)JUSTIÇA HEIM !!!

Eles estão preocupados com a educação de nossos filhos, com o bom andamento do ano letivo, com o cumprimento integral das leis de diretrizes e bases da educação, , bando de canalhas. O conluio com as ilicicitudes do Estado e de seu desmandos é naturalizado por muitos. Será que a ditadura ainda não acabou?

Uma greve invisível às lentes da mídia, uma luta digna e honrosa que têm diariamente seus anseios indeferidos pelo legislativo, pela sociedade e agora também pela judiciário. Puta merda, com o perdão da expressão. Será que ela é cega mesmo? Ao que parece e se depender da mídia, sim ela é!

Meu caro desembargador, como você se intitula um representante da justiça promovendo injustiças?

"Apesar de você(s), amanhã há de ser outro dia", será que tenho que recorrer a um refrão dos meados do Séc. XX? A gente precisa de utilizar isto ainda?

Muitas perguntas e algumas respostas. Uma liminar não irá calar nossa luta, ao contrário ela poderá fortalecer. Meus pensamentos e minha liberdade nunca hão de ser subtraídos. Das convicções e pensamentos que tenho, muitos devem ser repassados para meus filhos e também para meus alunos, pois acredito em um futuro melhor. E num futuro próximo, antes mesmo da revolução, indivíduos como Aécio, Anastasia, Vanessa, Renata e o pobre coitado do Desembargador Wander Marmota, digo Marrota, serão banidos.

BANDO DE CANALHAS.

Professor Paulo Miquéias